terça-feira, 26 de abril de 2005

e no lebre bebo...

hoje em dia bebo super-bocks de 33 cls em quantidade apreciavel.
neste establecimento já me embebedei com tudo.
sou frequentador assiduo desde à 15 anos para cá. comecei ainda puto a apanhar as 1ªs narsas lá, ainda aquilo tinha licença até as 23.30, e o Quim às 23.45 nos dizia que era 1/4 p'ró meio-dia, para nos pormos a andar. a razão era simples: um filho da puta dum policia (ainda quando era PSP) de seu nome lourenço (letra pequena é propositada) não perdoava nada, e a multa era certa e nada barata.
na altura, iamos cedo para lá (20.30 já era tarde...), um café para assentar o jantar, e toca de emborcar. como toda a gente, as 1ªs narsas foram à base de licores adocicados (amendoas, ginjas, licor-beirão, etc.), que eram entrecortados cumas minis. fui variando nestas bebidas conforme ia enjoando cada uma delas. com as amendoas, houve uma altura que viravamos uma merda que chamavamos misseis, que era um copo de 3 cheio de amendoa (da transparente, que ele ainda vende) de um trago, seguido de uma super-bock média bebida pelo menos até ao rótulo grande. 4 ou 5 destes e era de caixão...
as ginjas representaram uma fase maior, durantes uns anos bebia uma garrafa a meias com outro companheiro, acompanhado de minis. uma garrafa eram 9 copos de 3, ptt 4 para cada um e um copo de oferta para alguém. sn, se entrava um 3º na roda lá iam duas garrafas...
apanhei dezenas de narsas com isto, as ressacas eram pavorosas...
houve a fase dos jarros de vinho (branco ou tinto conforme o vento...). na altura havia uma caneca de ceveja que dizia "tudor" no fundo, e um certo cavalheiro emborcou de penalidade com vinho branco porque com a buba leu "tudo". os jarros eram 150$, mas havia um jarro maior que eram 180$, e que era uma especie de trofeu para quem madrugava no lebre. a caneca era 120$, mas era para connaisseurs...
tive uma fase em que bebia minis sagres, sendo detentor ainda do record de alarvidade no establecimento: 128 minis, 1 .30 hrs, 5 bebedores. dá cerca de 27 para cada. experimentem virar isso nesse espaço de tempo....
as minis aliás, acompanharam-me até à pouco tempo, cerca de 5 anos. entretanto enjoei de sagres, e hoje em dia nem me sabe bem uma mini. mas ainda estive uns 8 anitos com ela, dela guardo ratas recordações.
houve a fase em que o Quim começou a vender bebidas de garrafa, e como tal bebi vodkas e gins alarvemente, especialmente o 1º, o que me fez enjoar de todos os trinaranjus que a acompanhavam (limão ou ananas, que maçã nunca gostei e vodka/laranja é bebida de puta...) e de sprite. o gin também foi companhia, mas as ressacas não compensam o bem que me sabe. tenho com o gin uma relação de amor/odio, sendo ainda hoje uma das minhas bebidas favoritas, mas reservo-me as bubas de gin para os casamentos. aliás, em breve tenho um, por isso a isca já se contrai, sabendo antecipadamente a tareia que a espera...
no whisky nunca me meti. o cheiro sempre me provocou vómitos, é das poucas bebidas com que nunca me embebedei.
tive uma fase péssima de emborcar shots que nem um peixe, das mais variadas especies. as ressacas chegaram a um ponto de não retorno, e também abandonei essas lides à ns anos.
desde à 1/2 duzia de anos, a super-bock tem sido a minha a minha fiel companheira de copos, praticamente em exclusivo. de 33 cls., formato detentor de depósito, bem gelada... por vezes marcha um ou outro vodka( agora é tónico...) ou um ou outro gin(sempre tónico !!!!)... ou umas imperiais, que se bem tiradas são uma agradavel companhia.
na proxima 6ª la irei para o meu poiso habitual. mais ou menos pelas 21.30/22.00hrs la estarei, mesa do canto, café e "Público", seguida de umas bocks revigorantes, e de conversa ao acaso sobre tudo e sobre nada( que belo cliché, convenhamos...).
e lá esperarei por quem apareça

quarta-feira, 13 de abril de 2005

Jogos de Tasca #1

Alguém alinha num joguinho de dominó?
Aqui não se joga à grade nem ao belga (infelizmente)...

Coisas do antigamente...

Eu sei que primeiro vem a Espiga, mas esta noite de Stº António aka StºLebre, foi das melhores de sempre do sítio do costume.

segunda-feira, 11 de abril de 2005

Sábado #2

O betinho transformou-se em ninja arruaceiro!

segunda-feira, 4 de abril de 2005

Sábado #1



Cerca de 1/2 hora antes do "mergulho" do betinho da foto...
...que se pode dizer chafurdar na poça

sexta-feira, 1 de abril de 2005

Monotonia...

Este blog é a coisa mais parada que já vi! Quem foi a cabecinha académica que se lembrou de criar mais um blog? Algum desocupado, que deve ir á praia na hora de almoço e que volta para o trabalho coberto de sal! Ou um Angry Samoan qualquer, que devia pensar que ia estar eternamente de férias, como o Gordo está!!! Isto não fode nem saí de cima, que marasmo!!!